Blog

SAÚDE E BEM-ESTAR

Assine gratuitamente para receber dicas, atualizações e outros materiais.

Veja também...

4 Termogênicos Inteligentes: Low Carb, Jejum, Água e Exercícios - Com Dra. Lia Lima

Como ativar a termogênese natural?


Espero que vocês, leitores, já saibam que os alimentos provêm três principais nutrientes, os macronutrientes, chamados: proteínas, gorduras e carboidratos. Sabendo também que o corpo humano é inteligente e tem um sistema de sobrevivência, é natural imaginar que todos os nutrientes podem se transformar em energia, todos eles. A oferta de energia é bem mais fácil através dos carboidratos, depois nas gorduras e por último, através das proteínas.



Termogênicos NaturaIS 1: Low Carb



Sendo assim, se você está fazendo alguma manobra que acelere seu metabolismo, é importante reduzir o consumo de carboidratos, pois a primeira forma que fornece energia será através desse alimento. Se você quer aumentar o metabolismo oferecendo alimentos de fácil degradação, não é uma estratégia inteligente. O ideal é consumir suas próprias gorduras para queimar, o que acham? Digo isso para aquelas que tem gorduras armazenadas em excesso, como gordura localizada ou obesidade.


Pessoas que não tem estoque de gordura, não vale a pena restringir os carboidratos em excesso e poderá consumir os carboidratos de forma inteligente, preferindo os complexos.


Se você não entende sobre as qualidades e os tipos de carboidratos, leia essa postagem aqui.


Sabendo que a alimentação Low Carb (por que reduz os carboidratos da alimentação) pode acelerar seu metabolismo e que a quantidade de carboidratos a ingerir diferem entre os indivíduos, que criei o meu curso online, no qual eu ensino o passo-a-passo para ajustar sua alimentação e hábitos de vida que levam à maquinaria do seu corpo funcionar da melhor maneira. Chama-se programa Praticos-online e você pode conhecer mais sobre ele, clicando aqui.


Termogênicos Naturais 2: Exercícios

Termogênico Naturais 3: Beber água

Termogênicos Naturais 4: Jejum Intermitente


Se você já entendeu que os exercícios físicos aceleram o metabolismo, imagina se você realizasse esses exercícios em jejum? Isso parece loucura para você? Isso por que você aprendeu que deveria consumir algo antes do treino, pois seria mais seguro, concordam? Ou por que você já praticou exercícios, em alguma vez da sua vida, sem se alimentar e passou mal, é isso?


Então me responda como os homens da caverna faziam? Imagine um leão atacando um homem, o que ele faz? Ele fala para o leão esperar que para ele poder consumir um pré-treino? Acho que não. Provavelmente ele se prepara para luta, e te digo que o homem tem muita chance de vencer. Isso por que o homem é o maior predador da cadeia alimentar e já venceu a maioria das lutas, caça e criou variadas habilidades de defesa, entre as espécies.


Portanto, você pode treinar em jejum, sem riscos, se fizer sobre orientação profissional.


No meu curso online você receberá essas informações e muitas outras dicas, clique aqui, para saber mais.

Então por que te ensinaram que deveria comer de 3 em 3 horas e que jejum era ruim?


Foi pensando justamente nos termogênicos, termogênese e metabolismo que se criou a hipótese da Dieta Metabólica. E repito, uma hipótese e não uma ciência.


Foi descoberto, em XXX que alimentar-se aumentava o metabolismo, pois estimulava as reações no corpo a quebrar nutrientes vindo da digestão e absorção da alimentação. Isso gerava trabalho para o corpo, de forma que se gastava energia. Isso não é uma mentira, isso foi provado.


Pensando nessa teoria, acreditava-se então que comer pequenas porções em intervalos curtos levaria ao aumento do gasto de energia, levando a saciedade e perda de peso. Essa hipótese ganhou o nome de Dieta Metabólica, que ganhou adesão na população global e até nos centros acadêmicos.


O que não se pensou é que a maioria da população já possui um metabolismo natural muito baixo, e que a comida em excesso, mesmo que dividida ao longo do dia, leva, de qualquer maneira, ao acúmulo e armazenamento de energia, de forma que essa dieta não levou ao gasto e aumento do metabolismo.


Esqueceu-se também que NÃO É comer a cada três horas que emagrece, e sim O QUE comer, uma vez que alimentação em excesso de gordura leva ao seu armazenamento, como também o excesso de carboidratos. Os profissionais se atentaram a reduzir, de qualquer maneira, as gorduras, mas pouco deram importância aos carboidratos. E isso foi o tiro no pé, uma vez que os carboidratos acabaram sendo a preferência dos alimentos de quem comia, a cada três horas. Os carboidratos simples estimulam a fome e eram justamente os alimentos orientados a serem consumido antes do treino.


TEM E-BOOK GRATUITO SOBRE JEJUM, VOCê QUER?

ENTÃO CLIQUE E BAIXE AQUI JÁ O SEU AQUI


praticar uma atividade física em jejum não vai fazer você desmaiar


Porque? Porque quando se consome carboidratos simples antes do treino, ou mesmo um alimento rico em açúcar ao longo da sua alimentação, a secreção do hormônio insulina fica alto. Quando se pratica exercícios físicos com a insulina alta, que usa os carboidratos para fonte de energia e se, nesse caso você fez jejum, aí que os sintomas desagradáveis podem ocorrer. No entanto, se você faz alimentação com restrição de carboidratos, e não está com secreção aumentada de insulina, como viviam os primatas, treinar em jejum não gerará desconfortos, como leva ao aumento de energia, através de liberação de hormônios justamente contrários a insulina como a: testosterona, hormônio do crescimento, adrenalina, cortisol e glucagon. Esse aumento de hormônios é temporários e não fica por muito tempo elevados, apenas durante o treino, garantindo a segurança em manter seus hormônios em equilíbrio, da forma que ocorria na época das cavernas.

Para mais

informações

Agende uma

Consulta!

Últimas Postagens

  • Instagram ícone social
  • Facebook Social Icon
  • YouTube Social  Icon

Uma atuante no metabolismo funcional e low carb que tem o objetivo de utilizar e agregar a tecnologia como complemento do tratamento de pacientes com distúrbios metabólicos, prestar informações relevantes sobre as doenças metabólicas e propiciar um meio para compartilhamento de experiências no enfrentamento dessas doenças e incentiva-los na busca de qualidade de vida!

Dra Lia Lima

CLÍNICA

Edifício Bacelar Work Center, 
R. Dr. Bacelar, 368 - Vl Clementino, Cj 51
São Paulo - SP, 04026-001

WhatsApp Image 2018-07-27 at 12.15.26
WhatsApp Image 2018-07-27 at 12.15.25
WhatsApp Image 2018-07-27 at 12.15
WhatsApp Image 2018-07-27 at 11.44.46
WhatsApp Image 2018-07-27 at 11.44
WhatsApp Image 2018-07-27 at 11.44.47
WhatsApp Image 2018-07-27 at 11.44.48
WhatsApp Image 2018-07-27 at 11.44.45
WhatsApp Image 2018-07-27 at 11.44

Dra. Lia Lima -  Todos os direitos reservados. © 2016 

Tel.: (11) 3181-8283

(11) 97577-9922 

  • YouTube - White Circle
  • Facebook - White Circle
  • Instagram - White Circle