Blog

SAÚDE E BEM-ESTAR

Assine gratuitamente para receber dicas, atualizações e outros materiais.

Veja também...

Revelando o Suco Detox em 10 Perguntas com Dra Lia Lima

Feito em casa com ingredientes naturais que parece suco, mas funciona mesmo é como remédio. Que tal incluir essa bebida na sua rotina? Leia esse texto e tire todas as sua dúvidas.


E não esqueça de dividir esse conhecimento, compartilhando com seus amigos. Assim você pode ajudar os outros a mudar hábitos para o bem.


1- SUCO DETOX E ALIMENTOS FUNCIONAIS SÃO A MESMA COISA?


A busca por alimentos funcionais tem aumentado nas últimas décadas, isso se deu como consequência da conscientização dos consumidores, na certeza de que a melhoria da qualidade de vida está relacionada com a boa alimentação. O SUCO DETOX é um alimento que se enquadra dentro deste conceito, um alimento necessariamente relacionado a saúde e qualidade de vida.


O termo alimentos funcionais tem origem no Japão, ao redor da década de 80, através de um programa de governo, que tinha como objetivo desenvolver alimentos saudáveis. Nessa onda, a legislação brasileira, através da portaria n° 398 de 1999, define alimentos funcionais como sendo:


“Todo aquele alimento ou ingrediente que, além das funções nutricionais básicas, quando consumido como parte da dieta usual, produz efeitos metabólicos e/ou fisiológicos e/ou efeitos benéficos à saúde, devendo ser seguro para consumo sem supervisão médica”.


O suco misto (ou detox) é o suco obtido pela combinação de fruta e vegetal que tem ação de alimento funcional. Portanto, respondendo a primeira pergunta desse texto, o suco detox é um tido de alimentos funcional.


Um alimento pode ser considerado funcional se for demonstrado que o mesmo possui efeito benéfico ao funcionamento humano, além da nutrição básica, de maneira que seja tanto relevante para a alimentação como também gera a redução do risco de desenvolver ou piorar uma doença, por isso que o suco verde s enquadra aqui!


O efeito benéfico à saúde das bebidas funcionais são resultantes da presença de diferentes componentes, por exemplo: probióticos, prebióticos, fibras, vitaminas, oligoelementos, enzimas antioxidantes, entre outros.


2- ENTÃO O QUE É SUCO DETOX?


O suco detox é um apelido carinhoso e diminutivo de destoxificação, cuja função explica o seu conceito.


O suco detox, portanto, é uma bebida que ajuda o corpo a eliminar as toxinas formadas e/ou introduzidas através da eliminação na urina, fezes e bile. Dessa forma, as substancias contidas nessa bebida parecem apresentar uma ação antioxidante natural, reduzindo os danos causados pelo stress oxidativo (lesão, injúria, o ferimento) decorrente da ação de radicais livres (as toxinas) que podem ocasionar sérios impactos na saúde humano.


São vários modos de ação que têm sido propostos para explicar os efeitos benéficos dos compostos bioativos contidos nas bebidas funcionais e o suco verde, entre eles: a já sabida ação antioxidante e anti-inflamatória, mas também uma possível modulação (influência) da transcrição e expressão de genes (da forma como se interpreta os genes), além da indução à apoptose e necrose (estimular morte de células venhas).


3- SUCO DETOX E SUCO VERDE SÃO A MESMA COISA?

Sim.


4- SUCO DETOX FUNCIONA MESMO?


Muito é discutido sobre qual o efeito que este tipo de suco causa no organismo. Há quem discorde dos benefícios que o suco detox proporciona ao corpo como um todo. Porém, essa discordância existe pelo fato das pessoas não conhecerem a fundo cada uma das substâncias presentes nesses sucos, que no geral fazem muito bem para a saúde.


A principal finalidade do suco detox, como o nome já diz, é desintoxicar. Dentro da vida moderna, é quase impossível não se intoxicar diariamente com alimentos industrializados que receberem adição de corantes, aromatizantes, edulcorantes, hidrogenados, sem contar com a fumaça e as impureza contida na água, nas frutas e legumes, nas carnes, aves, peixes, até nos produtos de higiene, entre tantos outros. O corpo, identificando esses corpos estranhos, ativa o sistema de inflamação e imunidade, no objetivo de eliminar essas impurezas e evitar que elas causem dano ao corpo. Diante dessa realidade, a ingesta de um suco totalmente natural, cuja função é ajudar a eliminar parte dessas toxinas, parece se encaixar bem.


Ainda não há estudos científicos provando os efeitos benéficos ao corpo através da ingesta do suco detox, até porque não há uma receita exclusiva desse suco, fazendo com que os efeitos possam diferenciar dependendo os ingredientes utilizados, de forma que as informações dessa postagem ainda são uma hipótese.


5- SUCO DETOX EMAGRECE MESMO?


A principal finalidade do suco detox não é o emagrecimento, mas uma vez que há um benefício ao corpo, ele pode responder com perda de peso. Vamos entender como?


O tecido gorduroso é composto por células chamadas de lipócitos. Eles são responsáveis por inúmeras ações entre eles: controle da fome, produção de hormônios e armazenamento de toxinas. Já deu para entender como o suco detox entra nessa jogada?


Pois bem, na alimentação e na vida moderna o comum é se encher de toxinas, concordam? Se o suco detox ajuda na eliminação de toxinas, permitindo que os lipócitos liberem as toxinas armazenadas dentro da sua constituição, nada mais justo que esse órgão (o tecido adiposo), trabalhe com melhor funcionamento em sua outras atividades como promoção de saciedade, diminuição de peso e diminuição de células de lipócitos.


6- BENEFÍCIOS DO SUXO DETOX


- Diminuição da retenção de líquidos (O suco é diurético) - Melhora do sono - Melhora do intestino e do trato digestivo (O suco é rico em fibras) - Melhora da pele, unha e cabelos - Mais disposição (Efeito advindo da eliminação de toxinas) - Melhora do sistema imunológico (Pois ajuda a eliminar toxinas) - Estimulação da memória - Auxílio na perda de peso (já explicado acima)

- Melhora de dores crônicas e enxaqueca (por ajudar na desinflamação)


7- QUAL A DOSAGEM PARA BEBER AO DIA?


Costumo indicar aos meus pacientes ingerirem um copo (250ml) ao dia, de preferência pela manhã, por conta do seu efeito diurético. No entanto, não há relatos de doses em excesso ou baixos.


8- QUAIS PESSOAS PODEM TOMAR O SUCO VERDE?


Todas as pessoas podem consumi-lo, não há contra indicação.


9- SAI UMA RECEITA DE SUCO VERDE LOW CARB, AÍ?


Como já citei, há diferentes receitas de suco verde, entretanto, os meus seguidores e leitores que me acompanham sabem que sou a favor de uma alimentação restrita em carboidratos e industrializados, de forma que me intitulo defensora da dieta Low Carb-Medium Fat-Paleo.

Se você quiser saber mais sobre esse estilo de vida, preparei um curso no qual eu te ensino passo-a-passo aqui

Ou você já pode ir baixando um cardápio e vende se você se adapta aqui

Sendo assim, minha receita de suco detox é simples, reduzida químicos e em carboidratos.


Ingredientes:


3 folhas de couve-manteiga

1 xícara de folhas de hortelã

2 sucos de limão

1 litro de água

1 pepino

pode adicionar: gengibre, açafrão, alecrim e salsa.



Modo de preparo:

Coloque os ingredientes, já previamente lavados, no liquidificador, bata tudo, coe e beba.


10- SUA VIDA É CORRIDA, LÊ ESSA DICA ESPERTA AQUI


Eu bem sei da correria do dia-a-dia e incluir uma receita que exige hortaliças sempre frescas, não é fácil. Uma dica para continuar consumindo essa bebida é formar cubinhos com a folha de couve manteiga e hortelã com o mínimo de água para criar algo homogêneo e possível de colocar nos cubinhos de gelo. Bata as folhas com mínimo de água no mixer ou no liquidificador, vá adicionando a água necessária de tempos em tempos, distribua nas forminhas de gelo e congele. Você pode adicionar gengibre, açafrão, salsa, e outros ingredientes se desejar.


Quando quiser fazer seu suco verde, basta acrescentar 2 ou 3 cubinhos de gelo aos demais ingredientes.






VOCÊ QUER MAIS?

TENHO 104 RECEITAS LOW CARB PRA TI!

BAIXE AQUI GRATUITAMENTE







Espero que tenham gostado e não deixem de compartilhar.

Beijos e fiquem com Deus,

Dra Lia Lima



Referências:

MACHADO, Patrícia Gotardo et al. Elaboração de suco misto de frutas com potencial funcional e comparação com suco comercial “detox”. In: Revista do Congresso Sul Brasileiro de Engenharia de Alimentos. 2017.

SILVA, B.V.; BARREIRA, J.C.M.; OLIVEIRA, M.B.P.P. Natural phytochemicals and probiotics as bioactive ingredients for functional foods: Extraction, biochemistry and protected-delivery Technologies. Trends in Food Science & Technology. v. 50, p.144-158, 2016.

MORAES, F. P.; COLLA, L. M. Alimentos funcionais e nutracêuticos: definições, legislação e benefícios à saúde. Revista Eletrônica de Farmácia. v. 3, p. 109-122, 2006.

Para mais

informações

Agende uma

Consulta!