Blog

SAÚDE E BEM-ESTAR

Assine gratuitamente para receber dicas, atualizações e outros materiais.

Veja também...

Quanto de Peso devo Perder com a Cirurgia Bariátrica?


Quanto de peso devo perder com a cirurgia bariátrica?


Existem diferentes objetivos quando se indica um procedimento bariátrico/metabólico. A razão disto é que existem alguns efeitos pós-operatórios que são independentes da perda de peso, como a melhora praticamente imediata do diabetes tipo 2 no pós-operatório, que é o principal objetivo quando se usa o termo cirurgia metabólica. O termo cirurgia bariátrica objetiva também melhorar as condições de doenças previamente presentes que foram originadas pelo excesso de peso, porém esses benefícios serão obtidos pela perda do peso, que é o grande foco da cirurgia bariátrica.

Leia aqui quem pode realizar a cirurgia bariátrica!

Na discussão que trago hoje é sobre o processo de perda de peso que a cirurgia bariátrica oferece e os valores que o médico avalia e espera quando acompanha um pós-operatório de bariátrica. Além disso, é comum o médico ser questionado pelo paciente se ele está atingindo as metas esperadas, de forma que o paciente muitas vezes encontra-se ansioso e com expectativas causadas por falta de conhecimento talvez.


É comum a pergunta: qual a minha meta de peso, doutor?

Então para sanar essa dúvida e a ansiedade que gera, que tal uma explicação aqui no blog?


A perda de peso total


Em um estudo de metanálise (artigo que analisa os resultados de um conjunto de estudos importantes e resultam em dados estatísticos): Foram avaliados um total médio de 22.094 pacientes que fizeram a cirurgia. Eles apresentaram uma média de perda de 61,2% do excesso de peso.


Dessa forma, a expectativa de perda de peso total pelas cirurgias bariátricas gira na redução cerca de 60% do peso inicial, que é atingido até 2 anos de cirurgia.

É claro que quanto maior o peso inicial, maior é a chance de perder mais peso e menores reduções em excessos de pesos menores.


Outra forma de calcular é o peso para IMC médio de 25 (que é o limite máximo de peso para IMC ficar dentro da normalidade). Podemos usar aquele que estabelece uma meta menor, para que seja atingido. Perdas excessivas podem gerar desnutrições importantes, demasiada flacidez, estimular anorexia e falta de reconhecimento do novo corpo, como o excesso de perda possa ser causada por problemas cirúrgicos e, portanto, perdas exageradas nem sempre são saudáveis e bem vindas.


Vários fatores influenciam na velocidade de perda de peso, como na perda total, como doenças associadas (hipotireoidismo), idade (idosos), condições (menopausa, sedentarismo, histórico de sedentarismo, tempo de obesidade), tipo de técnica cirúrgica e assim por diante. Portanto, não existe uma meta rigorosa de alvo d